As 7 características dos líderes

Compartilhe!

Pretty young woman with sketched strong and muscled arms
Pretty young woman with sketched strong and muscled arms

Em meio à crise que atravessamos, muitos executivos questionam o que é mais necessário nessa hora. É dentre diversos pontos apresentados, um que se destaca é a liderança, pois, é isso que permitirá a continuidade na execução dos trabalhos sem problemas de desmotivação e desespero.

Mas, qual deve ser o comportamento do líder nesse momento de dificuldade? Para Celso Bazzola, diretor executivo da Bazz Consultoria, “o líder deve ter transparência e integrar a equipe, visando encontrar alternativas para atingir os objetivos e superando os momentos de crise com serenidade e segurança. Deverá ser um agente motivador orientando seus pares com clareza, demonstrando o que a empresa e mercado esperam, fazendo com que os membros da equipe participem de ações coesas”.

Mas, quais as características de um líder? Quem quer se posicionar dessa maneira deverá possuir ou desenvolver algumas habilidades específicas detalhadas por CelsoBazzola:

  • Ser resiliente e transmitir essa facilidade de adaptação, para se tornar exemplo;
  • Capacidade de delegar tarefas com orientações precisas;
  • Saber se comunicar com clareza, na hora certa e de uma forma que crie paradigmas de seus pares;
  • Transmitir confiança a todos que se relaciona, atingindo seus objetos com segurança;
  • Ser intuitivo em suas ações, observando as situações com precisão;
  • Ter a capacidade de inspirar seus comandados, tornando-os aptos para obter um bom resultado;
  • Ser criativo em suas ideias e soluções de problemas.

Para as empresas que querem encontrar esses líderes, o diretor da Bazz, reforça que a solução pode ser caseira. “É interessante partir do princípio que desenvolver líderes internamente, pois isso consolida o processo de retenção e carreira, pois o mesmo tem conhecimento da cultura e todo produto ou serviço que a empresa oferece”.

Todavia, é importante destacar a importância de ter clara para isto a definição do perfil comportamental. A assertividade na escolha desse líder agregará para que o atingimento dos resultados apareça com maior velocidade. “Podemos analisar esse tema ou decisão, de acordo com a necessidade e velocidade que a empresa tenha em atingir seus resultados”, finaliza Bazzola.

Porém, em não havendo o profissional interno com esse perfil desejado, a busca externa será necessária e inevitável, uma vez que esta ação poderá ajudar a empresa a inovar através de uma nova visão. Enfim, independente da forma, é fundamental que a empresa tenha nesse momento seus líderes preparados.

Dalila Magarian

Apaixonada pelo universo da comunicação, a jornalista Dalila Magarian trabalhou como repórter dos jornais Folha de S.Paulo e O Estado de S.Paulo e como editora dos telejornais RJTV e Jornal da Globo, ambos na Rede Globo. Foi editora das revistas PLAYBOY, VIP, VEJA S.PAULO e NOVA. É colaboradora de inúmeras revistas femininas, entre elas CLAUDIA, MARIE CLAIRE e BOA FORMA, além de publicações customizadas para empresas e instituições. Dalila é autora dos livros O Homem Irresistível e A Mulher Irresistível (Ed.Original), publicados também em espanhol na América do Norte sob o título Sex Appeal (Grijalbo).

Scroll Up
0